Geral, Notícias

Revitalizada, passarela Pênsil reabre amanhã, 02/10

A Prefeitura concluiu a manutenção da passarela Pênsil sobre o rio Piracicaba, um dos mais importantes cartões-postais da cidade, que será reaberto amanhã, 02/10, ao público. Os serviços englobaram a troca de tábuas, substituição de partes do guarda-corpo, que também foi reforçado, e pintura nova. Todo o trabalho foi executado com mão de obra própria da Secretaria Municipal de Obras (Semob).

Foram trocadas cerca de 150 pranchas de madeira tratada, que resiste melhor à ação do clima. A estrutura da passarela é formada por duas camadas de tábuas de 3 cm cada, uma sobre a outra. Também foram usados na recuperação parafusos especiais. Além das tábuas, foram instaladas cantoneiras (mão francesa) para reforço do guarda-corpo. Alguns tubos do guarda-corpo, em ferro, também estavam corroídas e foram substituídas.

“A Semob está sempre atenta e realiza constantemente a manutenção e recuperação dos equipamentos públicos. A passarela Pênsil é um local bastante frequentado e manter as pessoas em segurança é prioridade”, ressalta Vlamir Schiavuzzo, secretário da Semob.

A passarela Pênsil é um dos principais acessos ao complexo turístico e cultural do Parque do Engenho Central, mantido pela Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo (SemacTur), que tem à frente a secretária Rosângela Camolese. “A manutenção de um dos principais atrativos turísticos da cidade garante segurança aos visitantes do Parque do Engenho e a todos que querem apreciar uma das melhores vistas do rio Piracicaba. Além disso, com o piso reformado, o passeio pela nossa passarela Pênsil fica ainda mais agradável”, comemora Rosângela.

HISTÓRICO – A passarela Pênsil José Dias Nunes (Tião Carreiro) passou por reforma completa e foi entregue à população em 1/07/2014. Os trabalhos foram executados pela empresa Bema Engenharia, Secretaria Municipal de Obras (Semob) em parceria com o Laboratório de Madeiras da USP de São Carlos. Para recuperar a ponte mantendo sua estrutura, foram feitas peças especiais de reforço, preservando as características da construção e garantindo maior durabilidade a passarela. Foram trocados 3.480 parafusos à época.

A restauração contou com a construção de estrutura de proteção da ancoragem dos cabos na extremidade da avenida, semelhante à existente no lado do Engenho, tratamento contra ferrugem e pintura das torres metálicas, recuperação e pintura do guarda-corpo, manutenção dos quatro pilares de concreto dispostos no acesso da avenida, substituição de algumas peças de treliças e troca das duas camadas do tabuleiro de madeira.

A passarela Pênsil foi inaugurada em 15 de dezembro de 1992. Ela tem 103 metros de extensão (de uma ponta a outra) e 78 metros de vão suspenso. Sua estrutura é sustentada por cabos de aço e madeiramento. É considerada uma obra de arte da engenharia, cujo projeto inicial foi inspirado no modelo de duas importantes e famosas pontes norte-americana: a Brooklyn Bridge de Nova York (NY) e a Golden Gate, de San Francisco (CA), fato que justifica o seu formato.

Deixe um comentário